Veja em nosso banco de dados as vagas disponíveis. Provavelmente você vai encontrar uma de acordo com seu perfil e poderá candidatar-se, ou ainda registrar seus dados de currículo, para fazer parte do sistema virtual de busca de candidatos em tempo real, quando houver vaga compatível

Clique aqui para acessar.

  • Que a região sudeste do Brasil concentra 62,50% do total de empresas de trabalho temporários?
  • Que no Brasil a média de trabalhadores temporários é de 902.000 por dia?
  • Que os segmentos do comércio, Indústria e telecomunicações respondem por 75% das contratações temporárias?
  • Que o trabalho temporário é um emprego formal, com registro em anotações da CTPS e contrato de trabalho?
  • Que o trabalhador temporário, tem os mesmos direitos de um trabalhador efetivo?
  • Que em média 37,3% dos trabalhadores temporários são efetivados após seu contrato temporário?

Fonte: Pesquisa setorial 2009 /2010 Ipema / Sindeprestem

Cuidado com as palavras
Não use gírias, brincadeiras de baixo calão e palavrões na entrevista, por mais informal que seja o entrevistador.

Diga sempre a verdade
Não ignore perguntas ou mude de assunto de repente. Se você não sabe a resposta para determinada questão, a melhor coisa é não inventar respostas ou tentar fugir. Fale a verdade, diga que não tem muito conhecimento sobre esse assunto e prefere não opinar.

Não arrume desculpas
Não fique arrumando desculpas ou culpados para as possíveis falhas que possam existir em sua carreira. Se o selecionador perguntar porque você saiu do último emprego e você foi demitido, coloque isso para o selecionador, explique a razão e pronto.

Saiba esperar
Não questione sobre salário e benefícios até que o selecionador introduza o assunto.

Tire todas as dúvidas
Não vá embora sem ter esclarecido todas as suas dúvidas sobre a vaga, suas futuras responsabilidades e metas.

Não recebemos CV por e-mail, cadastre-o diretamente pelo sistema!